NOSSA MISSÃO

A Igreja Evangélica Assembléia de Deus de Palmeira das Missões Ministério de Madureira, tem a missão de fazer a diferença no Reino de Deus em Palmeira das Missões, no Rio Grande do Sul, no Brasil e em outros países do mundo. Pois nossos objetivos nos levam a sermos uma igreja alicerçada na Palavra de Deus primando pela salvação das almas, levando o evangelho a toda a criatura fazendo sempre a vontade de Deus, reconhecendo que o Senhor Jesus Cristo é o Senhor e Salvador de todos nós, para que os homens sejam servos obedientes e bons dispenseiros da multiforme graça do Senhor. Ministério de Madureira Uma Igreja Feliz! Contatos: 55.99998.3905, 55.984278599 e 55.99915.8554.

IEADEMMAD

IEADEMMAD
IEADEMMAD

CONAMAD - CONEMAD/RS - IEADEMMAD

CONAMAD - CONEMAD/RS - IEADEMMAD

Nossos Cultos!

Nossos Cultos!

segunda-feira, 27 de abril de 2020

Final dos Tempos!

O FINAL DOS TEMPOS X RELIGIÕES

Creio que estamos à beira de um lapso físico espiritual. Nos últimos tempos estamos vivenciando momentos difíceis onde ha falta de amor, de amizade e de compromisso por parte dos seres humanos. Logo compreendemos que tudo isso nos da à certeza de que o fim dos tempos se aproxima. Precisamos entender e buscar ter o conhecimento das coisas hão de acontecer porque o tempo esta próximo. Aqueles que guardarem as Palavras desta Profecia serão chamados de bem aventurados: "Bem-aventurado aquele que lê e bem-aventurados os que ouvem as palavras desta profecia e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo” (Apocalipse 1:3).

Primeiro: As Escrituras Sagradas narram de forma lúcida e concisa sobre o evento tão anunciado nos meios evangélicos que é o Arrebatamento da Igreja. Esse evento esta sendo anunciado pelo mundo todo independente da religião, pois e um fenômeno que atingira a toda a humanidade. Em Mateus 24,4-5 encontramos a seguinte mensagem: "Respondeu-lhes Jesus: Acautelai-vos, que ninguém vos engane. Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; a muitos enganarão".

Segundo: Antes, porém, a Bíblia Sagrada anuncia também um período de muita dor, sofrimento e desespero: Esse período e anunciado por todos os cristãos do mundo todo como o prenuncio da vinda do Messias: "E ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; olhai não vos perturbeis; porque forçoso é que assim aconteça; mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino; e haverá fomes e terremotos em vários lugares" (Mateus 24,6-7).

O que está acontecendo a nível mundial no presente momento e o podemos caracterizar como o período de pestes e epidemias, o que esta causando um espanto globalizado, onde pessoas em completo desespero estão morrendo não somente por causa das atuais doenças ou das pestes, mas por causa da depressão, do pavor, do medo e do desespero. A Palavra de Deus narra da seguinte forma: "Guerras, rumores de guerras, fomes, pestes, terremotos. Mas todas essas coisas são o princípio das dores” (MT 24.8).

Também encontramos mais informações bíblicas escatológicas que tratam dos finais dos tempos conforme narra o Evangelho de São Mateus: "E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória. E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma a outra extremidade dos céus" (Mateus 24:29-31).

Para o período derradeiro da humanidade, conhecemos as seguintes expressões: O fim dos tempos, tempo do fim, fim do mundo e últimos dias. Não é importante seu título, mas sim o que acontecera neste período descrito nas escatologias de várias religiões, tanto nas abraâmicas quanto as não-abraâmicas, que ensinam que os eventos do mundo alcançarão um clímax final, dando entendimento de que tudo ocorrerá com a vinda de um salvador, e isso atingira a todo o mundo independente da  de cada um.

Nas fés abraâmicas, estas mantêm uma cosmologia linear com os cenários do tempo do fim a conter temas de transformação e redenção. A religião judaica como sendo ha mais antiga e que e a que recebeu dos céus a Palavra diretamente do Senhor (Adonai), Deus (Elohim) de Israel, e seguida por todo o cristianismo, a partir do surgimento do Salvador Jesus Cristo (Yeshua HaMaschiach).

A seguir vamos descrever as maiores religiões espalhadas pelo mundo, seus fundadores, pilares da , e seus locais de maiores abrangências e a quantidade de seus seguidores:


I - JUDAÍSMO

Na religião judaica ou no judaísmo, o termo "fim dos tempos" faz referência à Era Messiânica e inclui um ajuntamento dos judeus exilados na diáspora, a vinda do Messias (Mashiach), a ressurreição dos justos e o mundo vindouro.

O judaísmo é a religião monoteísta que possui o menor número de adeptos no mundo, cerca de 12 a 15 milhões. Essa religião originou-se por volta do século XVIII a.C. O judaísmo é a religião monoteísta mais antiga do mundo. Originou-se por volta do século XVIII a.C., quando Deus mandou Abraão procurar a terra prometida.

O judaísmo defende uma relação especial entre Deus e o povo judeu, manifesta através de uma revelação contínua de geração a geração. O judaísmo crê que a Torá é a revelação eterna dada por Deus aos judeus.

Deus no judaísmo. No Judaísmo a crença é monoteísta (um único criador). O Supremo de Israel era conhecido por um nome principal na Bíblia. Esse nome transliterado YHWH (lê-se iau) é conhecido como o Tetragrama Sagrado. Os livros da Torá e do resto da Bíblia hebraica (exceto Ester) contêm a palavra hebraica יהוה. Com base nas letras hebraicas, sua pronúncia em hebraico seria algo como Iaue. Judeus religiosamente observantes são proibidos de pronunciar o nome de Deus, e ao ler o Tanakh eles usam a palavra Adonai ("Senhor").

Quem são os judeus hoje? É o Estado de Israel. Entre 1948 e 1958, a população judaica cresceu de 800.00 para um milhão. Atualmente, os judeus são 76.4% da população israelense, ou 5.433.842 milhões de cidadãos. Israel, o estado-nação judeu, é o único país onde os judeus são a maioria dos cidadãos. Israel foi estabelecido como um estado democrático e independente em 14 de maio de 1948.

A imigração judaica no Brasil foi um movimento migratório que teve início com a colonização do Brasil, quando judeus sefarditas e cristãos-novos se estabeleceram na colônia. Estima-seque mais de 100 mil pessoas são de religião judaica no Brasil, mas o número de descendentes que não praticam mais o judaísmo é incerto. Segundo as escrituras bíblicas Israel é a terra prometida por Deus aos hebreus, o berço do Judaísmo no século XVII a.C.. Judeus no Brasil de 1500 a 1808: A vinda de imigrantes judeus para o Brasil se fez de maneira descontínua, sujeita às diferentes condições históricas, tanto nos países de origem como no Brasil.


II - CRISTIANISMO

Nas religiões cristãs, os seguidores de Cristo, no cristianismo são retratados o tempo do fim como um período de tribulação que precede a segunda vinda de Cristo, que enfrentará o anticristo com sua estrutura de poder e proclamará o Reino de Deus. 

Dentro do Cristiano existem diferentes correntes teológicas com relação à sequência dos eventos dos fins dos tempos. Na visão pré-tribulacionlista, os eventos ocorrem a partir do “Período das Dores”, Arrebatamento, início da Tribulação (Três anos e meio de uma falsa tribulação, onde o governo mundial não perseguira a igreja e haverá uma falsa liberdade para as religiões, porém nos últimos três anos e meio ou no período final, haverá perseguição total, assassinatos, destruição dos templos, mortes dos cristãos e de todos aqueles que não se curvarem diante do anticristo, etc...).

Esse período nos faz lembrar-se do período negro da igreja catolicista que vendiam indulgências, também conhecidas como perdão pelos pecados e de adquirir um lugar nos céus, quando assassinaram e queimaram em fogueiras os que não compraram a falsa salvação e ou não se renderam a religião pela imposição papal. Esse é o período que a igreja da atualidade tenta esconder e esquecer, o que dá para entender pelos cristãos catolicista da atualidade. 

O que é a origem do cristianismo? Em termos técnicos, o cristianismo é uma religião monoteísta que há cerca de dois mil anos se derivou do judaísmo na região do Oriente Médio. Sua figura central é a pessoa de Jesus Cristo, que se acredita ser o Filho de Deus, a encarnação humana da própria Divindade de acordo com a Bíblia Sagrada.

Quem criou o cristianismo? Muito sangue escorreu até que Roma adotasse o cristianismo. O cristianismo se tornou a religião oficial do Império Romano no ano 380 por ordem do imperador Teodósio I, que tomou a medida numa lei conhecida como Édito de Tessalônica. Na verdade o cristianismo foi criado por todos aqueles que seguiram as doutrinas de Jesus Cristo.

O cristianismo começou a espalhar-se a partir de Jerusalém, e depois por todo o Oriente Médio, acabando por se tornar a religião oficial da Armênia em 301, da Etiópia em 325, da Geórgia em 337, e depois a Igreja estatal do Império Romano em 380, seguido mais tarde por varias denominações evangélico do mudo todo. 

Por que Constantino se converteu ao cristianismo? Como sinal de gratidão, no ano 312 da nossa era, ele declarou que os cristãos não seriam mais perseguidos em seu império e se converteu à fé em Jesus, abrindo caminho para que o cristianismo se tornasse a religião dominante do Ocidente. Estudiosos e teólogos do mundo todos afirmam que a decisão de conversão de Constantino foi um ato político e não de uma verdadeira , pois se converteu para apaziguar o povo que se depredava por causa da religião. 

Constantino sob a inspiração do lema “um Deus no Céu, um Imperador na Terra”, Constantino proclamou em 313 o Édito de Milão, lei que garantia liberdade para cultuar qualquer deus, o que seria fundamental para a futura conversão total do império à religião.

Em que ano o cristianismo chegou ao Brasil? O cristianismo chegou ao Brasil já no descobrimento territorial por parte dos portugueses em 1500, com o catolicismo e em 1532 chega o primeiro protestante, sendo que umas das primeiras ações de Pedro Álvares Cabral foi organizar uma missa em nosso território e a partir dai acabou por fixar profundas raízes Cristãs no novo pais.


III - ISLAMISMO

Na religião do Islamismo o Dia do Julgamento é precedido pelo aparecimento de al-Masih al-Dajjal e seguido pela descida de Issa (Jesus). Issa triunfará sobre o falso messias, ou o anticristo, o que levará à sequência dos eventos que acabará com o sol a nascer do oeste e o começo do Qiyamah (Dia do Juízo). 

Nas fés não-abraâmicas tendem a ter visões de mundo mais cíclicas, com as escatologias do fim dos tempos caracterizadas por decaimento, redenção e renascimento. 

Muçulmano é todo o indivíduo que pratica o Islã, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de profeta Maomé, que teria recebido revelações do Arcanjo Gabriel. Além disso, os muçulmanos também dão ênfase aos dogmas da oração, jejum no mês de Ramadã, peregrinação em Meca e o estudo do Alcorão. Nesse sentido, a maior parte dos árabes, são seguidores do islã, religião surgida na Península Arábica no século VII e que se vê como uma restauração do monoteísmo original de Abraão que, para eles, estaria corrompido pelo judaísmo e cristianismo.

Os cinco pilares são: Fé e orar e aceitar o credo (Chacado, Chahada ou Shahadah); Oração. Orar cinco vezes ao longo do dia, com o fiel voltado em direção a Meca (Salá, Salat ou Salah). Esses são os verdadeiros pilares da fe islâmica,

Descendência dos mulçumanos - Ismaelita. De acordo com o Livro de Gênesis, Ismaelitas (árabe: Bani ismail, hebraico: Bnai Yishma El) são os descendentes de Ismael, o filho mais velho de Abraão, e os descendentes dos doze filhos, os príncipes de Ismael. No Alcorão; "Deus deu dons a todos Ismael, Eliseu, Jonas e Lot favor acima das nações".

Para os muçulmanos, Maomé foi precedido em seu papel de profeta por Jesus, Moisés, Davi, Jacó, Isaac, Ismael e Abraão. Como figura política, ele unificou várias tribos árabes, o que permitiu as conquistas árabes daquilo que viria a ser um califado que se estendeu da Pérsia até à Península Ibérica. O que são seguidores de Maomé. Com cerca de 1,2 bilhão de seguidores, o islamismo, fundado pelo profeta Maomé há 1.400 anos no que hoje é a Arábia Saudita, é a segunda maior religião do mundo em número de fiéis. O Islamismo esta em quase todo mundo, principalmente na Ásia, Europa e Oriente Médio.

No Brasil. A partir do ano de 1500, época do descobrimento do Brasil, ocorreu à chegada dos islâmicos no País. Em um primeiro momento, esse grupo foi formado por navegadores árabes que chegaram a terras brasileiras por meio das expedições de Pedro Álvares Cabral. Com o trabalho escravo na colônia portuguesa, diversos negros seguidores do Islã foram traficados ao Brasil, processo que ampliou a quantidade de islâmicos na nação.

Um dos feitos mais marcantes dos muçulmanos no Brasil foi a Rebelião de Libertação, na qual foi iniciada uma batalha para defender o Quilombo dos Palmares entre os anos de 1693 a 1694. Além disso, foram de extrema importância na Revolta dos Muçulmanos Haussás (1807) e, em 1835, na Revolta dos Malês, movimento de escravos de origem muçulmana com propostas radicais referentes à libertação dos demais servos africanos que também fossem muçulmanos.

Informações sobre algumas entidades conforme publicadas pelo IBGE. A Federação Islâmica Brasileira aponta a existência de 1,5 milhão de seguidores do Islã no Brasil. Em todo o País, estima-se que existam oitenta centros de Islã e cerca de 50 mesquitas. As cidades de Foz do Iguaçu, Curitiba, Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo abrigam as mais populosas comunidades de muçulmanos no Brasil. Notavelmente, na já citada Foz do Iguaçu, encontra-se o maior número de adeptos da religião. Além da presença de salas destinadas à oração e templos por quase todos os outros Estados que compõe a nação, em São Paulo há aproximadamente 10 mesquitas, sendo que a mais antiga é a Mesquita Brasil, fundada no continente latino-americano a partir do ano de 1929.


IV - HINDUÍSMO 

Na religião dos hindus ou no hinduísmo, o tempo do fim ocorre quando Kalki, a encarnação final de Vishnu, desce montado num cavalo branco e traz um fim ao atual Kali Yuga. 

As nações que praticam o hinduísmo: A Índia, a Mauricia, e o Nepal, assim como a ilha indonésia de Bali têm como religião predominante o hinduísmo; importantes minorias hindus existem em Bangladesh (11 milhões), Myanmar (7,1 milhões), Sri Lanka (2.5 milhões), Estados Unidos (2,5 milhões), Paquistão (4,3 milhões), África do Sul (1,2 milhão), Reino Unido (1 milhão) e outras pelo mundo. O hinduísmo é a terceira religião com o maior número de praticantes, a maioria na Índia. Seus ensinamentos influenciam bastante a organização da sociedade indiana. Os seguidores do hinduísmo acreditam em vários deuses e na reencarnação. Segundo o hinduísmo, os seres humanos morrem e renascem várias vezes. 

O Hinduísmo, como o terceiro dos três períodos da religião indiana, caracterizado por um extremo pluralismo de cultos, deuses e seitas; neobramanismo, neo-hinduísmo [Estendendo-se do sVI a.C. aos dias atuais, o hinduísmo sofre o impacto de religiões estrangeiras (cristianismo, islamismo), religiões indianas heterodoxas (budismo, jainismo, siquismo), escolas filosóficas e místicas (dársanas e sufismo); na mistura de monoteísmo, politeísmo e panteísmo, intensifica-se o caráter pluralista e sincrético que está na origem da própria religião indiana.]. O hinduísmo e o conjunto da religião indiana de origens védicas até os dias atuais.

No Brasil o hinduísmo é pouco comum e é encontrado em pequenas cidades. Os Xacras do Hinduísmo são usados em vídeos de relaxamento na internet da comunidade brasileira, devido também ao ioug. A jyotisha indiana tem ganhado cada vez mais espaço e tem sido considerada a forma de astrologia mais precisa de todas


V - BUDISMO

Para o budismo, o Buddha predisse que seus ensinos seriam esquecidos após 5000 anos, seguidos por tumulto. Um bodhisattva chamado Maitreya aparecerá e redescobrirá o ensinamento de dharma. A destruição derradeira do mundo virá então através de sete sóis.

Origem do Budismo. No ano de 563 nascia na Índia, Siddhartha Gautama. A vida de Buda pode ser resumida em nascimento, maturidade, renúncia, busca, despertar e libertação, o ensino e a morte. De família aristocrata, culto, se viu chocado quando descobriu a realidade de seu país. Budismo é uma doutrina religiosa, filosófica e espiritual e tem como preceito a reencarnação do ser humano de forma a prender-nos aos sofrimentos do mundo material. 

Suas principais crenças. Os ensinamentos básicos do budismo são: evitar o mal, fazer o bem e cultivar a própria mente. O objetivo é o fim do ciclo de sofrimento, samsara, despertando no praticante o entendimento da realidade última - o Nirvana. O ponto de partida do budismo é a percepção de que o desejo causa inevitavelmente a dor. 

Buda sobre Verdade. Só com o esforço prolongado e sinceridade, disciplina e autocontrole, o sábio se torna como uma ilha, que nenhuma enchente consegue inundar. ... Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Significado de Buda. Buda significa iluminado em sânscrito, antiga língua sagrada da Índia. Buda é um título dado a um mestre budista ou a todos os iluminados que alcançaram a realização espiritual do budismo.

Budismo em crescimento no país. Segundo dados do censo brasileiro de 2010, há atualmente no Brasil 243.966 praticantes do budismo. Em 1991, eram 236 408 budistas e, em 2000, eram 214 873. ... Ao mesmo tempo, está havendo conversão de brasileiros não descendentes de japoneses ao budismo. 


VI - RELIGIÃO TRADICIONAL CHINESA

A Religião ou as religiões recorrentes na China tem aproximadamente 400 milhões de adeptos é um termo usado para descrever uma complexa interação entre as diferentes religiões e tradições filosóficas praticadas na China. Os adeptos da religião misturam credos e práticas de diferentes doutrinas, como o Confucionismo, o Taoismo, o Budismo, a Religião Tradicional Chinesa e outras religiões menores. Com mais de 400 milhões de praticantes, eles representam cerca de 6% da população mundial. Essas religiões têm suas crenças em vários tipos de deuses. 

Qual Deus da China? Também conhecido como Yu Huang Shang-ti, seu nome significa "a Augusta Personalidade de Jade". É considerado o primeiro deus e o responsável por todos os deuses e deusas. Em sua maioria os mitos chineses envolvem temas morais que informam o povo de sua cultura e de seus valores. 

Quantas religiões existem na China? Existem cerca de 10 milhões de católicos na China de 1,37 bilhão de habitantes, mas eles são divididos entre os que seguem a Igreja oficial - com bispos indicados pelo governo - e os que seguem o papa, praticam a religião em igrejas não oficiais e são perseguidos pelo regime comunista, assim como outras denominações evangélicas do mundo todo instaladas no pais de forma clandestina.

O cristianismo na China é uma religião minoritária em crescimento, que compreendem protestantes (em chinês: 基督教, Jī dū jiào, "Religião de Cristo"), católicos (天主教, Tian zhu jiao, "religião do Senhor dos Céus"), e um pequeno número de cristãos ortodoxos (東正教徒, Dongzheng jiaotu, "Religião ortodoxa/correta do Oriente"). Esses são duramente perseguidos pelo governo comunista chinês.


VII - ESPIRITISMO

Com aproximadamente 13 milhões de adeptos no mundo, o Espiritismo não é exatamente uma religião, mas também entra na lista como uma religião. A sobrevivência do espírito após a morte e a reencarnação são as bases dessa doutrina, q qual surgiu na França e se expandiu pelo mundo a partir da publicação de O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec (1857). No Brasil se encontra a maior comunidade espírita do mundo, sendo com 1,3% da população do país é espírita.

Espiritismo, doutrina espírita, kardecismo ou espiritismo kardecista é uma doutrina religiosa, filosófica, mediúnica e moderno espiritualista codificada pelo pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail, que usava o pseudônimo Allan Kardec. O que ensina o Espiritismo? Segundo o Espiritismo, todo homem é um médium, um canal de comunicação entre os vivos e os espíritos, isso porque os espíritas acreditam ser desnecessário o vínculo com Deus, “a inteligência suprema”, como descreveu o espírita Allan Kardec em seus ensinamentos.

Para o Espiritismo, Jesus é o modelo de ser humano mais perfeito que Deus ofereceu, para servir de guia. Neste sentido é que Allan Kardec afirma que, "para o homem, Jesus constitui o tipo da perfeição moral a que a Humanidade pode aspirar na Terra".

O que é o Espiritismo Kardecista? Os primeiros exemplares do livro deixaram a Tipografia de Beau, na cidade de Saint-Germain-en-Laye, em 18 de abril de 1857 – a data oficial do nascimento do espiritismo, nome criado por Kardec, apresentado da seguinte maneira: “A crença espírita, ou o espiritismo, consiste em acreditar nas relações entre o mundo físico". A doutrina é baseada em cinco "obras básicas", chamadas de Codificação Espírita, publicada por Kardec entre 1857 e 1868. A codificação é composta por O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns, O Evangelho segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese. 

Allan Kardec (1804-1869) foi um importante propagador (codificador) da doutrina espírita. Foi educador, escritor e tradutor francês. Allan Kardec, pseudônimo de Hippolyte Léon Denizard Rivali, nasceu em Lyon, França, no dia 3 de outubro de 1804. 

No Brasil, as ideias que deram origem ao espiritismo remontam às primeiras experiências com o chamado "fluido vital" (magnetismo animal, mesmerismo) por parte dos praticantes da homeopatia, nomeadamente os médicos Benoît Jules Mure, natural de França, e João Vicente Martins, de Portugal, que chegaram ao país em 1840. O Primeiro Centro Espírita do Brasil e o seu Criador Telles de Menezes. Após oito anos do lançamento do Livro dos Espíritos, em 17 de setembro de 1865, foi fundado em Salvador o Grupo Familiar de Espiritismo por Luiz Olympio Telles de Menezes – primeiro Centro Espírita do Brasil.

Realizamos estes estudos baseados nas religiões, nas suas crenças, seus deuses, e a visão de cada uma acerca dos finais dos tempos ou do final do mundo. Cada povo tem suas tradições, suas linguagens e suas origens, porem quanto às religiões muitos se misturam com seus tipos de  e crendices.

A Vinda de Jesus Cristo e o ápice da igreja evangélica e a esperança de milhares de cristãos no mundo todo. No judaísmo os que creem na vinda do Machiach são denominados de Judeus Messiânicos. Nas demais religiões foi pesquisado suas crenças e seus denominados salvadores os quais irão, segunda a  de cada uma, salvar ou libertar o seu povo de acordo com os ensinamentos de seus denominados mestres.


ENCERRAMENTO

Estudos tratam que desde o desenvolvimento do conceito de tempo profundo ou do fim do mundo no século 18, cálculos da idade estimada da Terra, discursos científicos sobre o fim dos tempos centrou-se no derradeiro destino do Universo.

No século 18 e 19, teólogos do mundo inteiro e não teólogos, mas religiosos estudantes das Santas Escrituras chegaram a pré-dizer o tempo da vinda do Messias (Mashiach), como o americano Guilherme Miller que chegou há calcular o ano, mês e dia do evento do Arrebatamento da Igreja, o que não ocorreu. Para os seguidores de Miller foi uma frustração generalizada. Muitos pastores na época abandonaram suas igrejas e denominações e seguiram as ideologias de Miller e acabaram de frustrando. Uns retornaram para as igrejas suas. Outros se desviaram do Evangelho e outros fundaram novas denominações.

Como vamos que em quase todas as religiões e denominações cristãs diversas, todas estão chegando a um denominador comum, a comunhão da ideia de que estamos nos aproximando do final dos tempos.

Boa leitura!

Pastor João Amilton,
AD Madureira,

Palmeira das Missões, RS.

Nenhum comentário:

Templo Sede

Templo Sede
Avenida Independência, 1999, Centro, Palmeira das Missões

Congregação Bairro Mutirão

Congregação Bairro Mutirão
Avenida José Firmino Vilande, 274, Bairro Mutirão, Palmeira das Missões

Congregação de Santo Augusto

Congregação de Santo Augusto
Rua Nonô Prates, 43, Bairro Santa Fé, Santo Augusto

Congregação Frederico Westphalen

Congregação Frederico Westphalen
Rua 137, sn, Bairro Distrito Industrial, Frederico Westphalen, RS

CONEMAD-RS E DEPARTAMENTOS

DIRETORIA CONEMAD-RS 2019-2022

CARGO

NOME

Presidente

Pr. Isaque Saletti dos Santos

1º Vice Presidente

Pr. Moisés dos Santos Lemos

2º Vice Presidente

Pr. Luiz de Bairro

3º Vice Presidente

Pr. Jerônimo Luiz da Silva

4º Vice Presidente

Pr. Valério Ricardo de Melo

5º Vice Presidente

Pr. João Sidnei dos Anjos Mombaque

1º Secretário

Pr. Jussiê Alberto Teixeira

2º Secretário

Pr. Adames Paz da Silva

3º Secretário

Pr. José Fernandes da Silva

4º Secretário

Pr. Peterson Donizete Gomes da Silva

5º Secretário

Pr. Paulo Alaert Martins

1º Tesoureiro

Pr. Emerson Fabiano Chaves

2º Tesoureiro

Pr. Jonas Cemim de Borba

1º Conselheiro Fiscal

Pr. Paulo de Souza

2º Conselheiro Fiscal

Pr. Lindomar Silveira Prestes

3º Conselheiro Fiscal

Pr. Carlos Roberto Silva dos Santos

1º Sup. Vice Presidente

Pr. Marlon Almeida Santos

2º Sup. Vice Presidente

Pr. José Alvori Lemos dos Reis

3º Sup. Vice Presidente

Pr. Jacó Luiz Martiny

4º Sup. Vice Presidente

Pr. Vandir de Bairro

5º Sup. Vice Presidente

Pr. Jeremias Feliciano Dias

1º Sup. Secretário

Pr. Gideon Dias Barros

2º Sup. Secretário

Pr. Osnei de Oliveira da Silva

3º Sup. Secretário

Pr. Pedro Enio Rodrigues

4º Sup. Secretário

Pr. Rogério da Silva

5º Sup. Secretário

Pr. João Amilton de Anunciação

DIRETORIA CIBE RS

CARGO

NOME

Presidente de Honra

Missionária Sandra Regina de Melo

Presidente de Honra

Pra. Regina Vargas

Presidente de Honra

Pra. Nair Prestes

Presidente

Pra. Marilene Lemos

1ª Vice Presidente

Pra. Esdra dos Santos

2ª Vice Presidente

Pra. Nelci Martins

3ª Vice Presidente

Pra. Helena da Silva

4º Vice Presidente

Pra. Beatriz Mombaque

5º Vice Presidente

Pra. Valéria Cabreira

ASSESSORAS REGIONAIS

Rio Grande

Pra. Débora Godoi de Melo

Porto Alegre

Misª. Eloíza Mann

Rolante

Misª. Edineia Borba

Catuípe

Misª. Fabiana

Farroupilha

Pra. Marlei de Bairro

Santiago

Pra. Cibele Martins

Tramandaí

Pra. Nelci Martins

TESOUREIRAS

1ª Tesoureira

Pra. Janete Paz

2ª Tesoureira

Pra. Rosane da Luz

3ª Tesoureira

Pra. Rosangela da Silva

4ª Tesoureira

Misª. Angela Lima

5ª Tesoureira

Misª. Neiva Vargas

SECRETARIA

Secretária Executiva

Misª. Marcia Prestes

1ª Secretária

Misª. Gilda Martins Dias

2ª Secretária

Misª. Michelle Teixeira

3ª Secretária

Misª. Andrea Martiny

4ª Secretária

Misª. Dienefer Mongelos

5ª Secretária

Misª. Elenir Bitencourt

DIRETORIA UMADERSUL

CARGO

NOME

Presidente

Pr. Cleber Lima

1ª Vice Presidente

Pr. Maicon Rafael dos Santos

2ª Vice Presidente

Pr. Marlon Santos

3ª Vice Presidente

Pb. Gabriel Wolmann

TESOURARIA

1ª Tesoureiro

Pr. Clayton Graciano Ferreira

2ª Tesoureiro

Ev. Wiliam Oliveira Machado

SECRETRARIA

1ª Secretária

Glaucia Teixeira

2ª Secretária

Emelin Borba

3ª Secretária

Dc. Oséas Govea

SECRETARIA DE MISSÕES – SEMMIRS

CARGO

NOME

Diretor

Pr. Franco Gonçalves Laus

1ª Vice Diretor

Pr. Marcos Moreira

REGIONAIS

Fronteira

Pr. Edson Rodrigues de Farias

Serra/Farroupilha

Pr. Josuel Vargas da Cruz Vieira

Litoral/Tramandaí

Ev. Filipi Domingos Moreira

COORDENADORIA DE PROJETOS

Coord. Proj. Interior

Pr. Jussiê Alberto Teixeira

Coord. Proj. Capital

Pr. Marlon Santos

TESOURARIA

1º Tesoureiro

Ev. Josias Moreira Thomas

2ª Tesoureira

Pra. Rosane da Luz

SECRETARIA

Secretário Executivo

Pb Eliel Silveira Prestes

INTERCESSÃO

Líder

Misª Karine Laus

Intercessora

Misª Marcia Moreira

Intercessora

Misª Michelle Teixeira

Intercessora

Rosmari Da silva Vieira

DIRETORIA DO CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES - ANO 2018

CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES
DIRETORIA EXECUTIVA - ANO 2018

PRESIDÊNCIA:
Pastor
JOÃO AMILTON DE ANUNCIAÇÃO.

VICE-PRESIDÊNCIA:
Primeiro Vice-Presidente, Presbítero MOISÉS MENDES BATALHA;
Segundo Vice-Presidente, Evangelista FÁBIO ROMERO DA SILVA.

SECRETARIA:
Primeira Secretário, Presbítero MENDEZ MARTINS COIMBRA;
Segundo Secretário, Presbítero GUSTAVO CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO..

TESOURARIA
Primeira Tesoureira, Missionária
ROSIMARI OLIVEIRA DA ROCHA;
Segunda Tesoureira, Pastora
MARTHA VALÉRIA LOPES CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO.

CONSELHO FISCAL E ADMINISTRATIVO:
Pastor JACOB VANDERLEI PORTOLAN;
Evangelista ABEL MARTINS MATTOS;
Presbítero PAULO RENATO PRESTES;
Diácono PAULO ROBERTO DA SILVA MEDEIROS (Susbsto).


CONGREGAÇÕES - PASTORES DIRIGENTES
PALMEIRA DAS MISSÕES - BAIRRO MUTIRÃO
Presbítero MOISÉS MENDES BATALHA.

CONGREGAÇÃO DE SANTO AUGUSTO:
Evangelista FÁBIO ROMERO DA SILVA.

CONGREGAÇÃO FREDERICO WESTPHLEN:
Presbítero PAULO RENATO PRESTES.


CÍRCULO DE ORAÇÃO - OBREIRAS DIRIGENTES:
PALMEIRA DAS MISSÕES - SEDE
Dirigente, Diaconisa ODILA STEPHANINI BATALHA;
Diaconisa HELGA SCHOKAL LENCINA;
Diaconisa CLEUSA DE OLIVEIRA DE MEDEIROS.

CONGREGAÇÃO BAIRRO MUTIRÃO
Dirigente, Diaconisa ODILA STPHANINI BATALHA.

CONGREGAÇÃO SANTO AUGUSTO
Dirigente, Diaconisa TEREZINHA KOWALSKI.

CONGREGAÇÃO FREDERICO WESTPHALEN
Dirigente, Diaconisa MARINES BRIZOLLA PRESTES.

RELAÇÃO DE OBREIROS - 2018

RELAÇÃO DOS OBREIROS DO CAMPO PARA O ANO DE 2018

Relação dos Obreiros e Obreiras para o ano de 2018, da Igreja Evangélica Assembléia de Deus de Palmeira das Missões Ministério de Madureira, sito na Avenida Independência, 1999, centro da cidade de Palmeira das Missões, CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES, conforme a seguir relacionados:­


001 - PALMEIRA DAS MISSÕES – SEDE:

Pastor Presidente JOÃO AMILTON DE ANUNCIAÇÃO,

Pastora MARTHA VALÉRIA LOPES CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Evangelista ABEL MARTINS MATTOS,

Missionária ROSIMARI OLIVEIRA DA ROCHA,

Presbítero GUSTAVO CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Diácono PAULO ROBERTO DA SILVA MEDEIROS,

Diaconisa HELGA SCHOKAL LENCINA,

Diaconisa ODILA STEPHANINI BATALHA,

Diaconisa CLEUSA DE OLIVEIRA MEDEIROS,

Diaconisa OLINTA ROZANI NIEDERAUER GUTLER,

Cooperador GUILHERME CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Cooperador GABRIEL CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Cooperadora ELCY MULLER FRANCO.


002 - PALMEIRA DAS MISSÕES – CONGREGAÇÃO BAIRRO MUTIRÃO:

Presbítero MOISÉS MENDES BATALHA,

Presbítero MENDES MARTINS COIMBRA.


003 - SANTO AUGUSTO - CONGREGAÇÃO:

Pastor JACOB VANDERLEI PORTOLAN,

Missionária ÂNGELA ROSANE PORTOLAN,

Evangelista FÁBIO ROMERO DA SILVA,

Evangelista GILMAR KOWALSKI,

Presbítero VILSON PICCO,

Diaconisa MARISA CRISTINA MOREIRA DA SILVA,

Diaconisa ROSIMARI CAMARGO PICCO,

Diaconisa ELEONIR TERESINHA CHAVES KOWALSKI.

Cooperador GERSON DOMINGOS ALBINO MANOEL.


004 - FREDERICO WESTPHALEN - CONGREGAÇAO:

Presbítero PAULO RENATO PRESTES,

Diácono DIONE LUIZ SARMENTO,

Diaconisa MARINÊS DA SILVA BRIZOLLA,

Diaconisa EDINARA BRIZOLLA PAES,

Diaconisa DIONEFER BRIZOLLA SARMENTO.


OUTRAS CIDADES - OBREIROS:


LAGEADO DO BUGRE

Presbítero ABEL SUTERES,

Diaconisa MARIA TEREZINHA MOREIRA SUTERES.

Pórtico de Palmeira das Missões

Pórtico de Palmeira das Missões